A História de Sojourner Truth, A Escrava do Norte


 Título: A História de Sojourner Truth, A Escrava do Norte (Narrative of Sojourner Truth) • Autor: Olive Gilbert • Editora: Principis • Tradução: Carla Matos • Compre: Amazon

Eu não conhecia Sojourner Truth — ou Isabela, seu nome de nascença —, quando recebi o livro fiquei muito interessado pela leitura, principalmente porque venho querendo aumentar a quantidade de leituras com autores e representatividade negra, e esse me deixou ainda mais interessado por ser um história real que iria me apresentar a uma personalidade a mim desconhecida.

A narrativa do livro é muito fluida e bem fácil de acompanhar, com capítulos em sua maioria curtos torna a leitura muito tranquila. Achei bem interessante o início do livro, mas com o passar da leitura fui ficando incomodado com a forma superficial e rápida que a história era contada, foi somente quando me atentei ao fato de que o livro foi escrito por Olive Gilbert e não por Sojourner, que entendi porque o livro parecia tão raso.

Outra coisa que me incomodou no livro foi a forma como a autora higienizou e normalizou a escravidão através das palavras de Sojourner. Não sei se a história que encontramos no livro é inteiramente a que Isabela queria transmitir ao leitor, a autora o escreveu a partir do que ouviu de Sojourner — o que não garante total fidelidade — não encontrei nenhuma informação sobre a autora, não sei se ela é branca ou negra, não sei nem se ainda está viva.

Por ser um livro curto e de leitura rápida, acho válida a leitura para conhecer um pouco da história de Isabela, mas, tendo sempre em mente que essa é uma história contada pela perspectiva de uma outra pessoa e não de Sojourner.
Uma das mulheres afro-americanas mais famosas e admiradas da história dos Estados Unidos, Sojourner Truth cantou, pregou e debateu em reuniões campais em todo o país, guiada por sua devoção ao movimento antiescravista e sua ardente busca pelos direitos das mulheres. Nascida em 1797, Truth fugiu da escravidão para, cerca de trinta anos depois, se tornar uma figura poderosa nos movimentos progressistas que remodelaram a sociedade americana. Oradora fascinante e profeta implacável, Truth hipnotizou o público com sua história de vida e com suas interpretações comoventes de hinos metodistas e suas próprias canções. Este relato inspirador da luta de uma mulher negra por igualdade racial é uma leitura essencial para aqueles interessados na busca contínua pela igualdade de oportunidades. Uma história de respeito pela vida, pela luta e pelas ideias de quem nasceu escravo mas nunca se conformou em ser um.

CONVERSATION

0 comments:

Postar um comentário

Obrigado por visitar o blog! Espero que tenha gostado do post e que deixe um comentário com suas impressões sobre o texto.

Você tem um blog? Não esquece de deixar seu link para que eu possa visitar seu blog.

IMPORTANTE
Os comentários publicados nesse blog são de inteira responsabilidade dos seus autores e não refletem a opinião do blogueiro.